BEM-ESTAR NO TRABALHO: UMA INVESTIGAÇÃO ENTRE SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS DO ENSINO SUPERIOR

Giselly Auzier da Silva, Carlos André Corrêa de Mattos, Valenna Cássia de Deus, Camila Da Natividade Rodrigues Barbosa, Joicy Borges Moraes

Resumo


O artigo objetiva analisar a satisfação, o comprometimento e o envolvimento com o trabalho de servidores públicos federais, lotados na Pró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoal (PROGEP) de uma Instituição de Ensino Superior (IFES). A investigação foi fundamentada nos conceitos de bem-estar no trabalho de Siqueira e Padovam (2008) e Siqueira, Orengo e Peiró (2014), através do Inventário de Bem-Estar no Trabalho (IBET-13). O estudo caracteriza-se como exploratório-descritivo, na forma de pesquisa de campo, com amostragem não probabilística por julgamento, sendo 33 entrevistados. O tratamento de dados foi quantitativo, com técnicas de estatística descritiva e inferencial (Teste T). Nos resultados os servidores avaliam como positivo o bem-estar no local de trabalho, sendo o compromisso e a satisfação com o trabalho os aspectos mais favoráveis entre as dimensões investigadas.

Texto completo:

PDF


ÂNIMA/Centro Universitário UNISOCIESC - Blumenau/SC Rua Pandiá Calógeras, 272 CEP: 89010-350 - Blumenau - SC Telefone: (47) 2111 2900 e-mail: rica@sociesc.com.br e-mail: oscar.dalfovo@unisociesc.com.br RIC@ - ISSN 1980-7031 CAPES/QUALIS

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia