O CONSUMO DA FERRAMENTA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: ESTUDO DE CASO DE UMA EMPRESA DO RAMO METAL MECÂNICO DO VALE DO ITAJAÍ

Alex Sandro Steinheuser Vilvert, Osmar Niquelatti

Resumo


Este estudo tem como objetivo analisar o consumo do planejamento estratégico, comparando o planejamento formal com as estratégias que surgem e não estão contempladas no plano estratégico pré-definido. Realizou-se o estudo de caso, adotando-se uma abordagem qualitativa de caráter descritivo-interpretativa. Para a coleta de dados, empregaram-se entrevistas com questões abertas, observação não-participante e análise documental. Para análise dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo. Em relação aos estrategistas, notou-se que os sócios fundadores, tem posicionamento e tomada de decisão fundamentais quanto as estratégias do planejamento estratégico e seu consumo. Conclui-se que o consumo do planejamento estratégico segue o plano original predeterminado pelos estrategistas e também as estratégias que surgem informalmente durante o período do plano são inseridas formalmente no ano seguinte.

Texto completo:

PDF


ÂNIMA/Centro Universitário UNISOCIESC - Blumenau/SC Rua Pandiá Calógeras, 272 CEP: 89010-350 - Blumenau - SC Telefone: (47) 2111 2900 e-mail: rica@sociesc.com.br e-mail: oscar.dalfovo@unisociesc.com.br RIC@ - ISSN 1980-7031 CAPES/QUALIS

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia